Feriado da Consciência Negra vai trazer prejuízos ao comércio

 Assim como outros feriados, data comemorativa é ruim para o mercado e impacta o bolso dos empresários

dia-consciencia-negra-brasil

Um dia sem trabalhar, sem vender e sem fazer negócios. Assim será 20 de novembro este ano. Acrescentado ao calendário municipal em 2017, o feriado do Dia da Consciência Negra, assim como todos os outros feriados, vai atrapalhar o comércio e trazer prejuízo para os empresários. A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Uberlândia é totalmente contra dias improdutivos e à criação de novos feriados no município, com um único propósito: defender os interesses da classe empresarial e o bom andamento dos negócios.

 

O Brasil é um dos países do mundo que mais tem feriados no calendário. Para se ter ideia, somando os feriados nacionais aos municipais, e incluindo os pontos facultativos, Uberlândia vai parar por 19 dias em 2017. Entendemos que os dias mais tradicionais, como Natal, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia das Crianças e Dia dos Namorados estimulam as vendas e aquecem a economia. Mas outros dias aleatórios, que este ano caíram no meio da semana, como por exemplo Dia do Trabalho (1°/maio segunda-feira), Corpus Christi (15/junho quinta-feira) e Dia de Nossa Senhora da Abadia (15/ago terça-feira) atrapalham o movimento da classe lojista.

 

E esse prejuízo é sentido não somente no dia declarado como feriado, mas também na véspera e no pós-feriado. Imagine, por exemplo, uma cafeteria. Ela tem seu fluxo diário normal de clientes. Com um feriado em uma terça-feira, a queda no movimento é sentida desde a sexta-feira anterior, e passa pelo sábado e pela segunda-feira, pois muitos consumidores “emendam” o feriado e acabam “enforcando” a segunda, aproveitando para viajar ou realizar outras atividades. Além do movimento cair na sexta-feira, ele também diminui no sábado, na segunda-feira e zera na terça-feira, já que o estabelecimento não abre.

 

“É preciso deixar claro que a CDL Uberlândia não é contra movimentos culturais ou religiosos, mas muito pelo contrário. Defendemos a liberdade de expressão. No ano passado, quando se discutia nos bastidores e também no plenário da Câmara a criação do feriado do Dia da Consciência Negra, nosso posicionamento foi contra a sanção da lei por ser mais um feriado. E mantemos o mesmo posicionamento agora. Primeiro: se existe o Dia da Consciência Negra, daqui a pouco várias outras etnias podem também reivindicar o seu dia de comemoração, e consequentemente de feriado, como por exemplo os pardos, os brancos, os mulatos, os índios (que já têm uma data, mas não é feriado) e assim por diante”, disse o presidente da entidade, Cícero Novaes.

 

Os vereadores que nos representam deviam se preocupar mais com a população e com as empresas, que são as que geram empregos, recolhem impostos e mantêm a máquina pública funcionando. É claro que um dia de folga pode parecer benéfico para alguns, mas mais importante do que descansar um dia, é ter um emprego. E se o faturamento das empresas cai, pode gerar demissões. O que acaba prejudicando a cadeia produtiva como um todo.

 

Nosso posicionamento é contrário ao Dia da Consciência Negra e qualquer outro feriado municipal ou federal que seja acrescentado ao calendário de Uberlândia.

 

 

Feriados 2017

 

Nacionais

1° de janeiro (domingo) – Confraternização Universal

21 de abril (sexta-feira) – Dia de Tiradentes

1° de maio (segunda-feira) – Dia do Trabalho

7 de setembro (quinta-feira) – Independência do Brasil

12 de outubro (quinta-feira) – Nossa Senhora Aparecida

2 de novembro (quinta-feira) – Finados

15 de novembro (quarta-feira) – Proclamação da República

25 de dezembro (segunda-feira) – Natal

 

Municipais

14 de abril (sexta-feira) – Sexta-feira da Paixão

15 de junho (quinta-feira) – Corpus Christi

15 de agosto (terça-feira) – Nossa Senhora da Abadia

31 de agosto (quinta-feira) – Aniversário da Cidade

20 de novembro (segunda-feira) – Consciência Negra

 

Pontos Facultativos

27 de fevereiro (segunda-feira) – Carnaval

28 de fevereiro (terça-feira) – Carnaval

1° de março (quarta-feira) – Cinzas (ponto facultativo até às 12h)

13 de abril (quinta-feira) – Quinta-feira Santa

16 de julho (domingo) – Nossa Senhora do Carmo

27 de outubro (sexta-feira) – Dia do Servidor Público

Início