CDL Uberlândia, Fundação CDL e Câmara Municipal premiam empresas, instituições e cidadãos beneméritos

 Evento de entrega do “Selo Empresa Cidadã” foi nesta terça-feira (31/out) na sede da entidade

DSC_4423

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Uberlândia, a Fundação CDL e a Câmara Municipal entregaram na noite desta terça-feira (31/out) os selos Empresa Cidadã, Excelência Cidadã e o título de Cidadão Benemérito. Em solenidade, foram reconhecidos de forma oficial os trabalhos de empresas, instituições e de pessoas físicas que ajudam no desenvolvimento social da cidade.

 

O Selo Empresa Cidadã é um estímulo ao investimento social privado das empresas com fins lucrativos de Uberlândia. O Selo Excelência Cidadã é um estímulo social público das instituições do terceiro setor do município. E o título Cidadão Benemérito é um incentivo às pessoas físicas que apoiam total ou parcialmente projetos de responsabilidade social.

 

Os títulos são concedidos a cada dois anos e passam por rigoroso critério de avaliação pela comissão julgadora. A comissão é formada por membros voluntários, independentes, multidisciplinares e especialistas, mestres e doutores nas áreas que atuam. Durante o período de inscrição, a CDL Uberlândia realizou um workshop para eliminar quaisquer dúvidas dos participantes e para estimular a presença do maior número de empresas e instituições.

 

Além do workshop, profissionais da entidade estiveram à disposição dos participantes por todo o período que antecedeu o evento para solucionar dúvidas.

 

Depois de toda a avaliação, foram selecionados: 8 projetos para usar o Selo Empresa Cidadã; 13 instituições para usar o Selo Excelência Cidadã e 11 pessoas reconhecidas com o título de Cidadão Benemérito.

 

Durante a solenidade de entrega, o presidente da CDL Uberlândia, Cícero Novaes, e representantes da Câmara Municipal ressaltaram a importância das práticas sociais e sustentáveis na sociedade atual, que contribuem para solução de questões sociais, e para um planeta mais desenvolvido e menos degradado. Além disso, o mérito dos homenageados foi motivo de destaque nos discursos.

 

Um a um, os representantes das empresas e das instituições foram chamados ao palco para receber a oficialização dos selos Empresa Cidadã e Excelência Cidadã. Logo em seguida, as pessoas físicas indicadas receberam o título de Cidadão Benemérito.

 

Para Meiryelle Rosa Araujo, coordenadora do projeto Azulim Tum Tum da empresa Start Química, o selo é uma condecoração para o trabalho desenvolvido com crianças e adolescentes no bairro Shopping Park. “O selo representa o reconhecimento de uma troca sadia entre o dar e receber, ou ainda, o investimento da empresa e o desenvolvimento da criança. É importante para a Start retribuir à sociedade um pouco do que recebemos enquanto comércio. É importante também que as nossas crianças saibam que o empenho e dedicação de cada uma durante todo ano gerou resultados positivos”, afirmou.

 

Rita de Cássia dos Santos, pedagoga e facilitadora do curso Capacitação Profissional em Shiatsu da Associação dos Deficientes Visuais de Uberlândia (Adeviudi), acredita na inclusão de pessoas com deficiência por meio de projetos sociais. “Percebemos que o mercado de trabalho é extremamente fechado para os deficientes, que carregam o estigma de impossibilitados. Com o projeto podemos comprovar que, mais do que possam imaginar, o desenvolvimento dos outros sentidos, cientificamente comprovado, permite sim que o deficiente tenha seu espaço no mercado de trabalho”, disse.

 

 

Os projetos

 

Cada projeto inscrito no prêmio Selo Empresa Cidadã, Selo Excelência Cidadã e Cidadão Benemérito tem a sua característica e sua peculiaridade. Mas todos têm um único objetivo: criar um ambiente melhor para crianças, jovens e adultos de regiões menos favorecidas de Uberlândia.

 

Com grandes ou mesmo pequenos investimentos financeiros, os coordenadores e os profissionais dos projetos foram dando vida às atividades sociais e foram criando mais esperança no íntimo de cada um dos participantes. Esperança que muitas vezes é ruída por conta da criminalidade e da vulnerabilidade social das regiões periféricas do município. Mas que não é abalada pelo “acreditar” dos idealizadores.

 

“O objeto do nosso projeto é o resgate da vida plena de usuários compulsivos de drogas.  A compulsão destrói os alicerces sociais, emocionais e espirituais do indivíduo, levando-o a um estado sobrevivência em condições de baixa afetividade relacional e  baixa realização financeira, mantendo-o à margem da sociedade. E ver o trabalho reconhecido por um prêmio tão importante produz uma sensação de confiança aos nossos parceiros em permanecerem aliançados conosco e abre caminhos para novas parcerias à aqueles que  são sensibilizados com a nossa causa”, afirmou Jaine Lúcia da Cunha Teodoro, coordenadora do projeto Viva em Plenitude da instituição Desafio Jovem Peniel.

 

Para Sther Batista Machado, coordenadora do Projeto Uberlândia Futsal, a missão social é transformar vidas e formar indivíduos produtivos para nossa comunidade por meio do esporte. “Desde 2011, acreditamos e investimos nas crianças de periferia de nossa cidade por meio da cultura do esporte. Ao longo de seis anos de atividades, o Uberlândia Futsal teve a alegria de ajudar na inclusão de quase quatro mil crianças e jovens no mundo do futsal, oferecendo a lições como: trabalho em equipe, disciplina, cooperação, perseverança, respeito às autoridades, coragem, autoestima e respeito, qualidade de vida, além de perspectivas melhores de futuro”, disse.

 

A Algar e o Instituto Algar foram, respectivamente, a empresa e a instituição com mais reconhecimentos. Foram quatro projetos selecionados: Talentos de Futuro, Programa Voluntariado, Programa Transforma e Programa Algar Ambiental. “Participar do prêmio Selo Empresa Cidadã é uma excelente oportunidade de termos uma chancela e o endosso de instituições de relevância como a CDL e a Câmara Municipal de Uberlândia. Este reconhecimento é importante, pois valida a nossa crença de que, o setor privado deve levar em conta o impacto de suas atividades e negócios e buscar maneiras de compensar o meio ambiente, de modo a garantir os mesmos recursos que possuímos, hoje, para as gerações futuras”, afirmou a coordenadora Carolina Toffoli Rodrigues.

 

 

Cidadãos Beneméritos

 

O título de Cidadão Benemérito foi concedido para pessoas físicas que contribuíram substancialmente para o desenvolvimento social em Uberlândia, mesmo que não tenham envolvimento direto nos projetos das empresas e instituições inscritas nos prêmios Selo Empresa Cidadã e Selo Excelência Cidadã. Cada um teve uma parcela importante de trabalho na realização de cada atividade e por isso foram indicados ao reconhecimento.

 

Vera Maria de Oliveira foi reconhecida pelo projeto PAZcificar e empoderar da ONG SOS Mulher e Família. “Estou muito honrada com essa indicação. É uma alegria receber o título de Cidadã Benemérita. Para mim representa o reconhecimento não só da pessoa, mas do trabalho das associações femininas – que hoje são poucas – na cidade. Já estou no segundo mandato como presidente da Associação Feminina do Bairro Seringueiras e isso representa um avanço para a luta de proteção da mulher. Nosso slogan é ‘somos uma gota social na cidade’, mas mesmo sendo somente uma gota nós ajudamos com direitos e deveres das mulheres na comunidade”, afirmou.

 

Shyrlene Soares Campos foi reconhecida pelos projetos 2CONS – Consumo Consciente e pelo FACEMAS, ambos do Instituto Alexa. “Eu fiquei muito feliz de receber esse título e encarei isso como um compromisso maior meu com as crianças e com a sociedade como um todo. Isso não me traz vaidade, mas gratidão. E me estimula a prosseguir mais e mais. Ser Cidadã Benemérita é um reconhecimento de alguém que está fazendo o bem, assim como muitas outras pessoas que estão comigo no mesmo propósito principalmente na recuperação humana”, disse. Shyrlene é responsável por seis creches e mais duas em construção, além de um orfanato para crianças com paralisia cerebral abandonadas pelas mães.

 

O que é o selo Empresa Cidadã?

 

O Selo Empresa Cidadã é um estímulo ao Investimento Social Privado das empresas com fins lucrativos, do município de Uberlândia. A premiação é um reconhecimento aos esforços da empresa na busca de um novo patamar de civilidade pautado na qualidade de vida, equidade e desenvolvimento humano da comunidade, assim como da preservação do meio ambiente.

 

O selo é promovido pela CDL, Fundação CDL Uberlândia e Câmara Municipal de Uberlândia, sem contribuição monetária para participação, cuja premiação será realizada a cada dois anos, em evento solene.

 

As empresas e instituições premiadas terão direito ao uso do selo em seus materiais de comunicação internos e externos, no ano de 2018 a Dezembro de 2019.

 

 

  • Classificados

 

Empresa Cidadã

 

Projeto Empresa Responsável
ViverFeliz.com Uberlândia Refrescos Ltda Wanderléia Silva
ReviVER – A prevenção faz a diferença na saúde ocular ISO Olhos Isabel Rosita Leite Fialho
Semente da Vida Uberlândia Refrescos Ltda Wanderléia Silva
Azulim Tum Tum Start Quimica Meiryelle Rosa Araujo
IAMAR – Educando Pelo Exemplo Martins Ludmila Monteiro de França
IAMAR – Educando Pelo Exemplo Tribanco Ludmila Monteiro de França
Talentos de Futuro Algar S/A Carolina Toffoli Rodrigues
Programa Voluntariado Algar S/A Marthina Endo do Prado

 

 

Excelência Cidadã

 

Projeto Empresa Responsável
Semeando Oportunidades ADVEM Domingos de Souza Guimarães Júnior
Projeto Uberlândia Futsal Uberlândia Futsal Sther Batista Machado
Viva em Plenitude Desafio Jovem Peniel Marco Aurélio Sorna Santos e Jaine Lúcia da Cunha Teodoro
Capacitação Profissional em Shiatsu ADEVIUDI Joana Pires Batista
Toda Criança Vivendo em Família Pontes do Amor Sara Estelita Vera Vargas
Projeto Rede Cultural Real Instituto Saúde e Equilíbrio Clóvison Elberth Alves Gonçalves
Programa Transforma Instituto Algar Camila Oliveira Silva e Fioranelli
2CONS – Consumo Consciente Instituto Alexa Roberta Jannini
PAZcificar e empoderar: intervenções da SOS Mulher e Família de Uberlândia em violências conjugal, familiar e de gênero SOS Mulher e Família Cláudia Guerra, Simone Neves, Suyane Rodrigues, Cláudia Cruz, Fernanda Alvarenga e Amanda Borba
Ei jovem, se liga na prevenção RNP + Núcleo Uberlândia Edval Dias Cantuário
ZAPe! Virtudes Empreendedoras IAMAR Ludmila Monteiro de França
FACEMAS – 2016 Instituto Alexa Roberta Jannini
Programa Algar Ambiental Instituto Algar Camila Oliveira S. Fioranelli

 

 

Cidadão Benemérito

 

Afonso Quianzala
Analú Guimarães Machado Miranda
Clara Maria De Moraes Paludo
Claudiana Maria De Morais
Dalva Sorna Santos
Gaspar Bertoni Flausino Da Silva
Ivando Pereira De Araujo
José Aparecido Da Silva Costa
Maria Do Carmo Monte
Shyrlene Soares Campos
Vera Maria De Oliveira

Clique aqui e acesse o álbum de fotos do evento.

Início